• Cecilia Teixeira

15 razões para visitar o Canadá em qualquer época do ano, com guias em português | Private Tours

Cada vez mais os brasileiros se interessam por visitar o Canadá. A pergunta mais frequente que recebemos no nosso email (info@vancouverbylocals.com) e também no nosso WhatsApp (+1 604 726 6250) é:


O que fazer no Canádá?

A seguir damos 15 opções para ajudar sua escolha do que fazer e onde ir.


1. Conhecer Vancouver, a cidade que é considerada a melhor cidade do Canadá e a segunda melhor cidade do mundo em qualidade de vida.

Aqui você tem acesso à parques, lagos, montanhas, museus, aventura e uma culinária internacional, considerada "top" pelos mais exigentes paladares. A grande vantagem de Vancouver é que a cidade é excelente em todas as estações do ano, não sofrendo com o extremo frio, nem com o calor que ocorre em outras cidades do país.


Consideramos as melhores épocas para visitar a cidade: A primavera (com as cerejeiras em flor e os festivais de tulipas), o verão (com o por do sol às 22:30h e garantia de quase 100% de não haver chuva) e o outono (com as folhas mudando de cor, para o tom vermelho vivo da bandeira do Canadá). O inverno é interessante para os que gostam de esportes de inverno e a cidade de Vancouver com preços de baixa estação.


foto de Vancouver no outono uma das melhores épocas para visitar a cidade
Vancouver no outono

Verão em Vancouver num barco pelo False Creek durante um passeio privativo
Vancouver no verão

Vancouver by Locals, tours privados durante a primavera com as cerejeiras floridas dura
Vancouver na primavera

Passeio com Vancouver by Locals durante o inverno em Vancouver com muita neve
Vancouver no inverno

2. Visitar o Butchart Gardens. Nos "Jardins Butchart" encontramos mais de novecentas variedades de plantas, muitas fontes e um restaurante onde é possível almoçar ou degustar o "High Tea", onde você se sentirá como uma rainha ou uma princesa.

Cinco jardins distintos, cada um deles com um tema próprio, formam o "Butchart Gardens". São eles:

"Sunken Garden" (tradução literal é "Jardim Afundado")

"Rose Garden" ("Jardim das Rosas)

"Japanese Garden" ("Jardim Japonês")

"Italian Garden" ("Jardim Italiano")

"Mediterranean Garden" (Jardim Mediterrâneo).


Os "Jardins Butchart" estão localizados na Ilha de Vancouver e durante esse passeio partindo de Vancouver, você terá a oportunidade de utilizar o "ferry" (uma balsa gigante, que além de passageiros, leva carros, ônibus e até mesmo caminhões), enquanto admira as ilhas ao longo do Estreito da Geórgia e das Ilhas do Golfo.


Geralmente o passeio aos Jardins Butchart é complementado por uma visita à Victoria, a cidade que é capital da nossa província e onde está localizado o Parlamento e o famoso Hotel Empress.


Passeio privado aos Jardins Butchart com Vancouver by Locals
Butchart Gardens / Jardins Butchart

3. Visitar a Cidade de Victoria, a capital da Província da Columbia Britânica, onde estão localizados o prédio do Parlamento, o Museu Royal e ainda o famoso Hotel Empress. Há ainda um pier, onde frequentemente avistamos leões marinhos e outros animais.


Passeio privativo a Victoria com guia em português
Victoria, a capital da província da Columbia Britânica

4. Conhecer Whistler, a maior estação de esqui da América do Norte, que é sucesso de público durante todas as estações do ano. No inverno são mais de duzentas pistas preparadas para a prática do esqui e snowboard, e nas demais estações do ano há atividades variadas como caminhadas, "tirolesa" (chamada aqui de "ziplane"), mountain bike, festival de música, festival de cinema, golfe, etc


Passeio privativo a Whistler no inverno
Whistler no inverno

5. Ver baleias bem de pertinho! Temos vários passeios para ver as baleias, e dependendo da época do ano poderão ser as baleias "Orca" ou as "Humpback", que são as duas espécies que mais frequentam a nossa costa, trazendo encantamento à todos. Acompanhamos você durante os passeios de barco, onde você também tem a oportunidade de aprender muito sobre a vida desses mamíferos.


Passeio privado para ver baleias no Canadá
Passeio para ver as baleias orca de pertinho

6. Visitar os mais lindos lagos do mundo! No passeio que fazemos para as Montanhas Rochosas você tem a oportunidade de conhecer os mais lindos lagos do mundo, além de poder caminhar sobre uma geleira (para chegar até ela utilizamos um veículo especial que só existe aqui nas Montanhas Rochosas Canadenses e na Estação de Pesquisas da Antártica).


Passeio para as Montanhas Rochosas com Vancouver by Locals
Emerald Lake, o lago cor de esmeralda


passeio para geleira nas Rochosas com gui aem português
Passeio para a geleira . Columbia Icefiled Glacier" no veículo especial

Visita ao Lake Louise com guia em português em tour privativo
Lake Louise, um dos cartões postais do Canadá

7. Vários encontros com animais selvagens, bem de pertinho! Seja ao longo das estradas enquanto visita as Montanhas Rochosas, seja aqui mesmo em Vancouver, quando levamos você à Montanha Grouse, onde você irá se encantar com dois ursos "grizzly" ("Grinder" e "Coola"), que estarão bem pertinho, mas com muita segurança, pois os ursos habitam uma grande área cercada que é duplamente protegida por cercas eletrificadas.



Passeio privado nas montanhas Rochosas vendo ursos na beira da estrada
Ursos no acostamento: Uma constante nas Rochosas.

8. Visitar uma das mais importantes regiões vinícolas da América do Norte. O "Okanagan Valley" fica na Província da Columbia Britânica, e produz excelentes vinhos, muitos com o selo "VQA" ("VQA" - "Vintners Quality Alliance", ou seja, um selo que garante que o vinho foi totalmente produzido na região). Os vinhos do Okanagan são considerados "top" pelos maiores sommeliers do mundo. A região do Okanagan tem clima seco e ensolarado, trazendo condições excepcionais para a produção de vinhos.


Passeios privativos em vinícolas no Canadá
Passeio nas vinícolas do vale ro Okanagan

9. Conhecer a rodovia que é considerada pelas revistas especializadas em turismo como uma das "Dez Mais Bonitas Rodovias do Mundo". Quando saímos de Vancouver em direção à Whistler, trafegamos pela "Sea to Sky Highway" ("Rodovia do Mar ao Céu"). Um passeio inesquecível, com visual deslumbrante e cachoeiras que deixarão memórias em qualquer visitante.




10. Ver a Aurora Borealis é o sonho de muita gente (meu também porque ainda não vi), mas como trata-se de um fenômeno da natureza, não é garantido que conseguirá vê-la durante sua viagem ao Canadá. Um dos melhores locais é Whitehorse, na Província do Yukon. Como há pouca luz e praticamente zero partículas de poluição no ar, o lugar torna-se perfeito e um dos mais aclamados do mundo para ver a Aurora. As melhores épocas são o outono e o inverno, então é bom estar preparado para enfrentar temperaturas bem negativas! :)


11. Ver as magníficas "Niagara Falls".

É o maior volume de água no mundo, num local fabuloso onde parte é território Canadense e parte é território Americano. Nem preciso dizer qual o lado mais bonito, não é mesmo? Não pense que é "bairrismo", vá você mesmo conferir e depois conte nos comentários qual o lado que achou mais bonito. O lado de quem está no Canadá vendo as cachoeiras ou o lado de quem está nos Estados Unidos vendo as mesmas cachoeiras.

Lá você poderá também ter a emoção de andar num barco que vai pertinho, pertíssimo da queda d'água! Vai se molhar? Com certeza! :)

Tudo isso acompanhado pelo nosso guia, que fala português e vai oferecer as melhores dicas de como aproveitar melhor esse passeio e esse lugar tão especial.


Niagara Falls com Vancouver by Locals

12. Toronto é pertinho de Niagara Falls e é uma grande cidade. Se pudéssemos comparar, diríamos que Toronto é a "São Paulo" do Canadá enquanto Vancouver seria o "Rio de Janeiro".

Toronto é a cidade mais populosa do Canadá, com mais de seis milhões de pessoas. Muitos brasileiros que visitam o Canadá acabam indo apenas para a Costa Leste, muitas vezes em tours que ficam alguns dias em Nova Iorque, aliando programação cultural da cidade americana e compras.

Considero isso uma pena, porque na Costa Oeste do Canadá há mais atividades turísticas, e quando o objetivo for compras, temos aqui pertinho os fantásticos outlets localizados na "metade do caminho" entre Vancouver e Seattle!

De Vancouver a Seattle são apenas 230km e além de outlets com lojas de preços arrasadores ainda temos a possibilidade de visitar a fantástica fábrica da Boeing para ver como é feito um avião. Que tal?


Toronto, a cidade com a maior população

13. Visitar Ottawa, a capital do Canadá. Em Ottawa encontramos, além do edifício do Parlamento, o Rideau Canal, que tem uma promenade muito aprazível durante a primavera e o verão. Este mesmo Rideau Canal, se transforma no maior ringue de patinação do mundo, com seus 7.8km de extensão transformados num gigante "playground" que é desfrutado por crianças e adultos de todas as idades.


Ottawa


conhecendo Ottawa com um guia em português
Ottawa

14. Visitar a Cidade de Quebec é ter a sensação de estar na Europa. Em Quebec irá aprender bastante da história do Canadá através das informações dadas por nossos guias, sempre em português. Nenhuma visita à cidade de Quebec é completa sem que sejam visitados o Château de Frontenac e a Basílica de Notre-Dame.

Dependendo da época do ano, nossos passeios incluem visitas à fazendas onde você irá ver como é feito o "maple syrup" (xarope de bordo). O Canadá é responsável por 85% da produção mundial de "maple syrup", e a árvore de onde a seiva é extraída (a "maple tree") tem suas folhas num formato bem característico, que você já conhece pois está estampado na bandeira do Canadá.


Quebec City com guia em português
Fairmont Le Château Frontenac em Quebec

15. Visitar Montreal, considerada a capital gastronômica do país, explorar o Parque Mont Royal, o Jardim Botânico e o "Bairro dos Espetáculos". Montreal também é conhecida pelo Festival Internacional de jazz e pelos Museus de Belas Artes e Museu Contemporâneo.


Montreal com guia em português Vancouver by Locals
Montreal


Qual desses passeios é o melhor? Depende dos seus interesses. Uma das viagens que faz mais sucesso, quando o destino é o Canadá, é um cruzeiro ao Alasca, partindo de Vancouver.

O roteiro recomendado é voar até Vancouver, passar pelo menos três noites na cidade, e a partir daí embarcar no cruzeiro para o Alasca. Existem os roteiros onde os passageiros iniciam e terminam o cruzeiro em Vancouver, e também os roteiros com cruzeiros "só de ida" para o Alasca, e de lá os passageiros embarcam em avião com direção ao próximo destino.

Para os que dispõem de mais tempo e um orçamento mais folgado, o ideal é combinar Vancouver com um cruzeiro para o Alasca e alguns dias nas Montanhas Rochosas. Este é o roteiro mais comentado e que traz as mais positivas lembranças e recomendações dos passageiros.


cruzeiros para o Alasca a partir de Vancouver
Navios na rota do Alasca ancorados no porto de Vancouver

Ficou com vontade de visitar o Canadá ou quer organizar um passeio para seus clientes? Entre em contato conosco e vamos ajudar a planejar, nos mínimos detalhes essa viagem, e transformar esse "sonho de viagem" numa realidade que deixará eternas memórias.


Obrigada pela leitura, por favor salve o post, pois poderá ser útil no futuro, e se não for pedir demais, compartilhe em suas redes sociais, para que seus amigos e clientes possam já ter um "gostinho" do que poderá ser uma viagem inesquecível ao Canadá.


Até breve!


Cecilia Teixeira


















Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon